Governo dos Açores manifesta abertura para rever apoios à cana de açúcar no POSEI

Governo dos Açores manifesta abertura para rever apoios à cana de açúcar no POSEI

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   8 de Out de 2018, 19:45

O Governo dos Açores está disponível para, no âmbito das alterações anuais feitas ao programa POSEI, propor a revisão dos apoios a conceder à produção de cana de açúcar, uma cultura que tem múltiplos aproveitamentos comerciais, um grande potencial económico e historial na Região.

De acordo com o secretário regional da Agricultura e Florestas, João Ponte, que visitou a Fábrica de Licores Eduardo Ferreira, na ilha de São Miguel, afirmou, citado em nota do Gacs, que “o Governo dos Açores está disponível para, naquilo que são as alterações anuais que são feitas ao programa POSEI, rever essa situação”.


João Ponte disse ainda que, em 2017, foi introduzida uma alteração no POSEI permitindo que a cana de açúcar passasse a ser elegível na Ajuda à Produção de Hortofrutícolas, Flores de Corte e Plantas Ornamentais, recebendo um apoio de 1.150 euros por hectare.


Assim, irá dar orientações aos Serviços de Desenvolvimento Agrário de São Miguel no sentido de acompanharem a cultura da cana de açúcar, de modo a perceber melhor o que são os rendimentos e os ciclos produtivos, "informação que será importante para se encontrar, no âmbito da revisão do POSEI, um valor que seja justo e compatível com esta cultura".


O governante destacou também o percurso de crescimento, a inovação e a aposta na qualidade que a Fábrica de Licores Eduardo Ferreira e Filhos tem vindo a fazer ao longo dos anos, considerando-a um exemplo no contexto empresarial regional.




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.