Governo adia cobrança de reembolsos de incentivos

Governo adia cobrança de reembolsos de incentivos

 

Olímpia Granada   Regional   3 de Jun de 2010, 15:00

Os promotores de investimentos em estabelecimentos hoteleiros, em unidades de turismo em espaço rural, em apartamentos turísticos e em equipamentos de animação turística contam agora com mais tempo para reembolsar a Região dos incentivos recebidos, e que foram concedidos nessa condição
A moratória de três anos no âmbito do plano de reembolso dos incentivos foi aprovada em Conselho de Governo, terça-feira, e anunciada ontem em Ponta Delgada, na leitura do comunicado com as decisões tomadas pelo Executivo.

O secretário regional da Presidência, André Bradford, explicou que com a criação desta moratória o Governo pretende disponibilizar mais um instrumento para atenuar as dificuldades que a iniciativa privada tem encontrado, por via dos constrangimentos do sector do crédito bancário ou dos fluxos comerciais nacionais e internacionais.

A decisão, lê-se no comunicado, tem em conta a situação que se tem vindo a registar na economia internacional, com impactos muito directos no turismo.

Leia esta notícia na íntegra no jornal Açoriano Oriental de Quinta-feira,
Dia 3 de Junho de 2010


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.