Geoparque com “cartão verde” no âmbito do processo de reavaliação

Geoparque com “cartão verde” no âmbito do processo de reavaliação

 

Lusa/AO online   Regional   18 de Jan de 2018, 11:52

O Geoparque Açores viu recentemente renovada, até 2021, a sua chancela como Geoparque Mundial da UNESCO com a atribuição de um cartão verde, anunciou esta quarta-feira a Associação GEOAÇORES, entidade responsável pela gestão do Geoparque Açores.

Uma nota de imprensa adianta que esta decisão decorreu da 2ª Sessão do Conselho de Geoparques Mundiais da UNESCO, em setembro, na China, onde foram analisadas 15 propostas de candidatura a novos Geoparques Mundiais ou extensões de Geoparques Mundiais, assim como a reavaliação de 35 geoparques inscritos na Rede Mundial de Geoparques.

Segundo a Geoparque Açores, a decisão da UNESCO vem reconhecer o trabalho desenvolvido e contribui assim para a geoconservação, valorização e promoção da geodiversidade dos Açores, nomeadamente pelo desenvolvimento de um geoturismo sustentável e respeitador dos valores geoambientais da região.

Além do Geoparque Açores, outro geoparque português, o Geoparque Arouca, viu também renovada por mais quatro anos a sua chancela como Geoparque Mundial da UNESCO.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.