Futuro da ciência e tecnologia na Europa em debate a partir de hoje na Gulbenkian


 

Lusa/ AO   Nacional   8 de Out de 2007, 06:20

O futuro da ciência e tecnologia na Europa vai estar em debate a partir de hoje em Lisboa, numa conferência realizada no âmbito da Presidência Portuguesa que abordará temas como a necessidade de recursos humanos e investimento na investigação.
A Conferência de Alto Nível "O Futuro da Ciência e Tecnologia na Europa" decorre entre hoje e quarta-feira na Fundação Calouste Gulbenkian, reunindo alguns dos mais importantes protagonistas do sector.

    De acordo com o programa, o encontro será dividido em várias sessões plenárias que abordarão assuntos como "desafios para a ciência e a tecnologia na Europa", "promover e atrair recursos humanos" para essas áreas e o "aumento do investimento privado em Investigação e Desenvolvimento (I&D).

    Relativamente ao futuro da ciência na Europa, a Presidência Portuguesa considera fundamental convocar para o debate parceiros como laboratórios, indústria, banca, universidades, agências financiadoras da investigação, para além dos governos e das instituições europeias.

    De acordo com informação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES), a Presidência pretende contribuir com um novo impulso na concretização da Estratégia de Lisboa em matéria de ciência e tecnologia e considera que a concretização de políticas mais ambiciosas de desenvolvimento cientifico em cada país é estimulada pela própria definição europeia de objectivos comuns.

    A presidência pretende também estimular o desenvolvimento de políticas e programas de maior investimento em I&D, já que a União Europeia não atingiu ainda a meta de um por cento do investimento público em I&D definida na Cimeira de Barcelona, ou de dois por cento do investimento privado.

    Os recursos humanos altamente qualificados são igualmente fundamentais, pelo que constituem uma das prioridades da presidência, nomeadamente para alcançar as metas da estratégia de Lisboa.

    Durante a conferência vão ainda decorrer várias sessões paralelas para discutir os principais temas abordados no Livro Verde sobre o Espaço Europeu de Investigação, lançado pela Comissão Europeia em Abril deste ano.

    A sessão de abertura da conferência será presidida pelo ministro da Ciência e Tecnologia, Mariano Gago, e pelo Comissário para a Investigação, Janez Potocnik.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.