Bolsa

Fundos de acções portuguesas superam desempenho do PSI 20 em 2009


 

Lusa / AO online   Economia   5 de Jan de 2010, 10:04

Os oito fundos de acções portuguesas à venda no mercado obtiveram uma rentabilidade média de 42 por cento no ano passado, 8,5 por cento acima da subida de 33,5 por cento do índice de referência, o PSI 20.
O fundo de investimento mobiliário Santander Acções Portugal liderou os ganhos, ao valorizar 48,4 por cento em 2009, seguido pelo Espírito Santo Portugal Acções, que ganhou 46,42 por cento, e pelo Barclays Premier Acções Portugal, que progrediu 46,04 por cento, de acordo com dados da Associação Portuguesa de Fundos de Investimento Pensões e Patrimónios (APFIPP) e da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a que a agência Lusa teve acesso.

Depois, surgem os fundos Alves Ribeiro Médias Empresas (do Banco Invest), Banif Acções Portugal, BPI Portugal e Millennium Acções Portugal, com subidas de 44,57 por cento, 40,59 por cento, 39,62 por cento e 37,52 por cento, respectivamente.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.