IRS

Finanças dizem que falta avaliar 30 mil declarações e que reembolsos decorrem com normalidade

Finanças dizem que falta avaliar 30 mil declarações e que reembolsos decorrem com normalidade

 

Lusa/AO online   Economia   31 de Jul de 2012, 12:33

O Ministério das Finanças avançou hoje que faltam avaliar 30 mil declarações do IRS, garantindo que a campanha

Em comunicado hoje divulgado, o ministério cita informações da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) para adiantar que foram emitidos reembolsos de IRS a 2. 614.454 famílias no valor global de 1.931,84 milhões de euros.

“Este processo decorreu com toda a normalidade e dentro dos prazos legais, tendo sido hoje autorizados e emitidos os últimos reembolsos de IRS que foram devidamente validados e confirmados pela própria AT”, afirma.

O ministério liderado por Vítor Gaspar lembra que, em 2011, o prazo legal para efetuar os reembolsos de IRS terminava a 30 de setembro, prazo que foi reduzido este ano para 31 de agosto.

O Correio da Manhã afirma na edição de hoje que as Finanças estão sem dinheiro para devolver o IRS, referindo faltar reembolsar cerca de 300 famílias.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.