Fidel alerta Obama contra intervenção militar no Irão

Fidel alerta Obama contra intervenção militar no Irão

 

Lusa/AO Online   Internacional   4 de Ago de 2010, 06:12

O dirigente cubano Fidel Castro lançou na terça feira um apelo a Barack Obama para que este evite qualquer intervenção militar no Irão, o que poderia conduzir a “uma guerra nuclear”.

"Nesta ocasião, dirijo-me pela primeira vez ao Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama” , escreveu o antigo Presidente de Cuba numa nota publicada no “site” da Internet Cubadebate.cu.

"Deve saber que nas suas mãos repousa a única possibilidade real de paz para a humanidade. Por uma única vez, pode fazer uso das suas prerrogativas, dando ordem para disparar” contra o Irão, que ameaça recorrer aos mísseis de que dispõe em caso de agressão, adianta Fidel pedindo a Obama que “ouça este apelo transmitido em nome do povo de Cuba”.

"A pior de todas as alternativas seria uma guerra nuclear que é já virtualmente inevitável. Evite-a!”, conclui o pai da Revolução Cubana, que nas últimas semanas apareceu diversas vezes em público para debater quase exclusivamente a crise iraniana.

No domingo passado, o almirante norte-americano Michael Mullen afirmou que estava pronto um plano de ataque dos Estados Unidos contra o Irão, se Teerão adotasse de arma nuclear, adiantando que estava “extremamente preocupado” com as consequências de tal ofensiva.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.