Médio Oriente

Familiares de soldado Shalit preparam marcha para exigir a sua libertação

Familiares de soldado Shalit preparam marcha para exigir a sua libertação

 

Lusa / AO online   Internacional   25 de Jun de 2010, 17:47

Familiares e amigos do soldado israelita Gilad Shalit preparam esta sexta-feira uma marcha, para assinalar o quarto aniversário do sequestro perto de Gaza, para exigir ao primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, que faça uma troca com o Hamas.

Shalit foi capturado por três grupos palestinianos, um dos quais o braço armado do Hamas, a 25 de Junho de 2006, e a sua libertação está pendente de um acordo de troca: Shalit por um milhar de detidos palestinianos.

 

A marcha, com uma duração de 12 dias, partirá da localidade em que reside a família Shalit, no norte de Israel, no próximo domingo, devendo chegar a 8 de Julho a Jerusalém para um protesto frente à residência oficial de Netanyahu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.