EUA descartam acção militar em território venezuelano


 

Lusa / AO online   Internacional   26 de Jul de 2010, 18:42

O Departamento de Estado dos Estados Unidos descartou esta segunda-feira uma eventual acção militar contra a Venezuela, um dia depois de o Presidente venezuelano, Hugo Chávez, ter acusado Washington de preparar um ataque contra o seu país.
“Como já o dissemos no passado, os Estado Unidos não têm intenção de iniciar uma acção militar contra a Venezuela”, disse a porta-voz do Departamento de Estado, Virgínia Staab, citada pelo canal de televisão privado, de notícias, Globovisión.

Segundo aquela responsável, durante muito tempo os Estados Unidos e a Venezuela desfrutaram “de uma relação energética mutuamente benéfica”, que o Governo norte-americano deseja “que continue”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.