Espanha

ETA "à beira do abismo" diz relatório policial


 

Lusa / AO online   Internacional   8 de Mar de 2010, 11:19

Um relatório da polícia espanhola descreve a organização separatista basca ETA como estando "à beira do abismo", devido às várias detenções, com um chefe "incapaz" e comandos "inexperientes" e "consumidores de droga", noticia o jornal El Pais.
A polícia espanhola afirma que o novo "chefe militar" da organização clandestina é Mikel Kabikoitz, denominado "Ata" (pato, em língua basca), um militante de 37 anos, dos quais 13 passados na clandestinidade.

Descrito como "incapaz", Ata rodeou-se de "terroristas inexperientes em matéria de organização. Os comandos que envia para Espanha são rapidamente presos ou abandonam depressa as infra-estruturas", assinala o relatório policial citado pelo El Pais.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.