Portugal Continental

Dez distritos do continente sob aviso laranja a partir das 18h00 devido à agitação marítima

Dez distritos do continente sob aviso laranja a partir das 18h00 devido à agitação marítima

 

Lusa/AO online   Nacional   6 de Jan de 2018, 09:46

Dez distritos de Portugal continental vão estar, a partir das 18h00 deste sábado, sob aviso laranja devido à previsão de forte agitação marítima, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o Instituto, os distritos de Viana do Castelo, Porto, Braga, Aveiro, Coimbra, Leiria, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro vão estar sob aviso laranja até às 06h00 de domingo devido à previsão de ondas de noroeste com cinco a seis metros, podendo atingir os oito a nove metros de altura.

Até às 18h00 de hoje, todos estes distritos estão sob aviso amarelo, que é emitido pelo IPMA sempre que há situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

A costa norte da Madeira e a ilha de Porto Santo estão sob aviso laranja entre as 15h00 de hoje e as 09h00 de domingo devido à previsão de ondas de noroeste com cinco a sete metros.

A forte agitação marítima levou hoje encerramento à navegação de sete barras marítimas: Caminha, Viana do Castelo, Póvoa do Varzim, Vila do Conde, Douro, Nazaré e Cascais, segundo informação da Marinha atualizada às 07h44 de hoje.

A previsão de vento forte a muito forte de norte/noroeste com rajadas até 110/120 quilómetros por hora também levou a IPMA a emitir um aviso laranja para esta região entre as 12h00 e a meia-noite de hoje.

O IPMA prevê para hoje céu com períodos de muita nebulosidade, apresentando-se temporariamente pouco nublado ou limpo a partir da manhã.

Esperam-se ainda aguaceiros pouco frequentes, mais prováveis no litoral oeste e que poderão ser ocasionalmente de granizo e acompanhados de trovoada.

O vento soprará fraco a moderado (até 30 km/h) do quadrante norte, soprando moderado a forte (30 a 45 km/h) e com rajadas até 60 km/h, no litoral oeste e nas terras altas, em especial a partir da tarde.

As previsões apontam ainda para formação de gelo ou geada, em especial nas regiões do interior, e uma descida de temperatura, que será acentuada na mínima.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.