Uganda

Detidos "todos os responsáveis" pelos atentados de 11 de Julho no Uganda


 

Lusa / AO online   Internacional   12 de Ago de 2010, 11:05

As autoridades ugandesas anunciaram hoje ter detido "todos os responsáveis" pelos atentados da Campala, reivindicados pelos fundamentalistas islâmicos da Somália ("shebab") e que causaram 76 mortos a 11 de Julho.
«Prometemos ao público perseguir os culpados (...), mantivemos a nossa promessa», afirmou o chefe dos serviços de informações militares ugandês, o general James Mugira, em conferência de imprensa.

«Detivemos todos os responsáveis que planearam e executaram estes ataques cobardes», declarou Mugira, que apresentou quatro suspeitos, todos de nacionalidade ugandesa, aos jornalistas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.