Detido presumível membro da máfia siciliana


 

Lusa   Internacional   27 de Jun de 2010, 13:10

Giuseppe Falsone, presumível membro da máfia siciliana a monte há mais de dez anos, foi detido na sexta feira em Marselha (sul de França), disse hoje o Ministério Público de Palermo (Sicília).

«Giuseppe Falsone foi detido pela polícia francesa, graças à colaboração de polícias italianos, e encontra-se atualmente detido na prisão de Marselha. Já emitimos um mandado de captura internacional, mas ainda não sabemos quando será transferido para Itália», declarou Francesco Messineo, procurador de Palermo.

Falsone, de 40 anos, «também cometeu delitos em França, como a utilização de falsos documentos e, portanto, o prazo de transferência para Itália poderá ser um pouco mais longo», acrescentou.

Na lista dos 18 fugitivos mais procurados pelas forças de segurança italianas, Giuseppe Falsone foi condenado no passado por associação mafiosa, extorsão e homicídio, de acordo com a agência noticiosa italiana Ansa.

Em 2004 foi condenado a prisão perpétua e em março passad foi condenado a uma pena de 22 anos e seis meses, num outro processo, de acordo com a mesma fonte.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.