Condutor suspeito de atropelar mortalmente ciclista em Loulé constituído arguido


 

Lusa/Ao online   Nacional   22 de Jul de 2018, 23:58

O condutor suspeito de atropelar mortalmente este domingo um ciclista na Estrada Nacional (EN) 270, na zona de Boliqueime, no concelho de Loulé, foi constituído arguido depois de se ter entregado, disse à agência Lusa fonte da GNR.

O condutor, com 49 anos, entregou-se à GNR pelas 16:30, na sequência de diligências levadas a cabo por militares desta força de segurança, explicou o Comando-geral da GNR, acrescentado que a investigação será agora coordenada pelo Ministério Público.

Anteriormente, fonte da Guarda Nacional Republicana (GNR) tinha explicado à Lusa que a vítima, de 66 anos, circulava numa bicicleta na EN270 no sentido Boliqueime/Loulé, distrito de Faro, no Algarve, tendo sido atropelada por um veículo ligeiro, de cor escura, cujo condutor se pôs em fuga, pelas 08:30.

“O veículo foi, entretanto, localizado no Monte Escarpão, em Paderne, no concelho de Albufeira, mas sem sinais do condutor”, referiu a fonte, acrescentando que a proprietária apresentou queixa por furto do mesmo”.

A proprietária do veículo contou à GNR que a viatura teria sido roubada.

De acordo com esta fonte da GNR, trata-se de um veículo de matrícula portuguesa que foi alvo de perícias no Destacamento de Trânsito de Albufeira daquela força militarizada, no sentido de encontrar vestígios que pudessem levar à identificação do condutor, o que veio a acontecer.

A investigação está a cargo do Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação da GNR.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.