CDS-PP quer saber se PS teve tratamento privilegiado pela CP

CDS-PP quer saber se PS teve tratamento privilegiado pela CP

 

Lusa/Ao online   Nacional   25 de Ago de 2018, 21:39

O CDS-PP pediu esclarecimentos ao Governo se o PS teve tratamento privilegiado pela CP ao fretar um comboio especial para levar os militantes à Festa de Verão socialista.

A pergunta do deputado do CDS-PP Hélder Amaral dirigida ao ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, e que foi hoje divulgada, foi entregue na Assembleia da República na sexta-feira.

Na pergunta, os democratas-cristãos sublinham que, “desde que se tornou público o fretamento por parte do Partido Socialista de um comboio especial entre Pinhal Novo e Caminha, com vista ao transporte de militantes, são constantes as notícias que, em consequência, dão conta de alegados distúrbios no serviço da CP no período da referida viagem”.

“O PS teve ou não tratamento privilegiado por parte da CP nas condições de fretamento do comboio especial?”, questiona o deputado centrista.

Hélder Amaral interroga ainda se “é ou não verdade” que o serviço especial do PS obrigou ao suprimento de outros comboios ou serviços e se o mesmo “obrigou a atrasos” nos serviços regulares da CP.

Segundo o Observador, a CP aceitou “os atrasos resultantes a outros comboios” para que circulassem comboios fretados para a festa da rentrée socialista, que decorre hoje, em Caminha.

Na sexta-feira, questionado sobre o assunto, o secretário-geral do PS, António Costa, considerou o comboio fretado pelo partido para a festa de verão socialista como um “serviço comercial absolutamente normal” e que é “prestado a qualquer cliente”.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.