Bolieiro diz que integrar precários é prioridade para 2018

Bolieiro diz que integrar precários é prioridade para 2018

 

Lusa/AO online   Regional   8 de Jan de 2018, 11:59

O presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, José Manuel Bolieiro (PSD), disse que pretende resolver, "se possível ainda em 2018", a situação dos trabalhadores precários do município.

"Tudo fizemos para manter o emprego, mesmo que tenha sido difícil criar mais emprego. Nesta linha, quero dizer-vos, numa renovação de esperança, que é nosso objetivo, é objetivo desta equipa camarária, fruto também da nova lei – que, felizmente, fez recuperar competências aos municípios e, em particular, a Ponta Delgada, porque não tem necessidade de saneamento financeiro – garantir melhor emprego", sustentou o autarca, em mensagem dirigida aos trabalhadores da autarquia.

Na mensagem de Bolieiro, revelada esta segunda-feira à imprensa, é manifestado o desejo de integrar todos os trabalhadores que, não estando nos quadros da câmara, "têm trabalhado para corresponder a uma necessidade permanente".

"Têm um vínculo precário, mas vamos, na gestão dos recursos camarários e nos termos da lei, garantir-lhes estabilidade, com a máxima transparência, e garantir procedimentos para que possa tornar mais felizes com vínculo. Este é um desafio para este ano de 2018", considerou o social-democrata.

Na sua mensagem aos trabalhadores do município, Bolieiro deixou uma saudação aos que "dão vida às instituições, no caso concreto os colaboradores do universo camarário", aproveitando para desejar bom ano aos trabalhadores e para todas as famílias do município de Ponta Delgada, o maior dos Açores.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.