BE só vota revisão da Lei das Finanças Regionais se dívida da Madeira for travada


 

Lusa/AO Online   Regional   1 de Nov de 2009, 13:43

O coordenador regional do BE-M, Roberto Almada, disse hoje que o partido só votará a revisão da Lei das Finanças Regionais na Assembleia da República se o endividamento da Madeira for travado.

“Nós, na Assembleia Legislativa da Madeira, propusemos propostas para travar esse endividamento sem controlo, mas o PSD-M não aceitou nossas recomendações e preferiu manter os artigos que prevêem que a Região possa endividar-se de uma forma descontrolada e, por isso, nós nos abstivemos”, revelou em conferência de imprensa.

“Se podem contar connosco para corrigir as injustiças que foram feitas à Madeira, não podem contar connosco para aumentar o endividamento da Região que já é extremamente elevado”, concluiu Roberto Almada.

Se não tiver as suas pretensões satisfeitas, o BE tem a intenção de abster-se na Assembleia da República.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.