Solidariedade

Banco de Livros vai oferecer leitura a crianças desfavorecidas


 

Lusa/AO online   Nacional   10 de Nov de 2010, 17:16

Comprar um livro e depositá-lo num “livrão”, para depois ser oferecido a crianças desfavorecidas, é o objectivo do Banco de Livros, uma iniciativa que será hoje apresentada e que irá decorrer entre segunda-feira e 5 de Dezembro.
“A acção do Banco de Livros é um decalque do Banco Alimentar, mas em que o bem oferecido é um livro”, explicou a directora de Marketing das Livrarias Bertrand, Teresa Figueiredo, referindo-se a uma iniciativa que irá decorrer durante a época pré-natalícia, de forma a garantir que os livros doados são entregues às crianças mais desfavorecidas na época do Natal.

A iniciativa - que conta com o apoio do Banco de Bens Doados e da Fundação Pró-Dignitate – é inédita em Portugal, mas as expectativas de que seja um sucesso “são elevadas”, sobretudo porque existe a esperança de que não se resuma a uma acção isolada.

“Gostaríamos que se transformasse numa rotina. Mas esta é a primeira vez, por isso vamos ver como decorre”, disse Teresa Figueiredo, sublinhando que não existem estimativas quanto ao número de livros que poderão ser obtidos ou quanto ao número de crianças que serão beneficiadas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.