Autarquia de Lagoa homenageia Padre João Moniz de Melo

Autarquia de Lagoa homenageia Padre João Moniz de Melo

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   30 de Jul de 2018, 11:28

A Câmara Municipal de Lagoa atribuiu uma placa toponímia ao Padre João Moniz de Melo, na rua anteriormente denominada por Arruamento B, situada na Zona do Paul, na freguesia de Água de Pau.

“Esta homenagem pretende reconhecer o trabalho do Padre João Moniz de Melo na comunidade de Água de Pau. Os padres são figuras de destaque nas comunidades, são referências, são ícones, pois se hoje é assim, imaginemos no início do século quando não haviam outros meios de comunicação e era sobretudo na figura do padre que estava depositada um conjunto de espectativas relacionadas com a evolução social e cultural de uma comunidade”, referiu a presidente da Câmara Municipal de Lagoa, Cristina Calisto na ocasião, citada em nota de imprensa.


Cristina Calisto acrescentou ainda que “a Igreja trabalha na comunidade e é parceira na criação de valores, de respeito e cidadania, que são muito importantes e é isso que a Igreja também promove, para além da sua componente evangelizadora, tem este papel muito importante numa comunidade”.


Refira-se que o Padre João Moniz de Melo foi uma pessoa marcante para a vila de Água de Pau, principalmente por ter tido uma importância na evolução, tanto a nível cultural como social, ao longo dos 40 anos, em que foi pároco naquela freguesia.


De relembrar que, o Padre João Moniz de Melo nasceu em 1871, nos Arrifes e frequentou o Seminário de Angra, onde foi ordenado Diácono, no dia 22 de fevereiro de 1896. Por nomeação Régia de 1901, foi provido pároco de Nossa Senhora dos Anjos, na vila de Água de Pau, no dia 12 de janeiro de 1901 e exerceu as suas funções durante 40 anos. Por outro lado, entre 1928 e 1934, na freguesia da Ribeira Chã, exerceu a função de Cura.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.