Acordo entre produtores e industriais para Centro de Leite e Lacticínios

Acordo entre produtores e industriais para Centro de Leite e Lacticínios

 

Lusa/AO Online   Regional   1 de Jun de 2010, 12:41

Os produtores e industriais do setor leiteiro anunciaram hoje um acordo de consenso sobre os estatutos do Centro de Leite e Lacticínios dos Açores, onde estarão representados com um número idêntico de elementos nos órgãos deste organismo.

No final de uma reunião realizada esta manhã em Ponta Delgada entre dirigentes de organizações de produtores e industriais, mediada pelo governo açoriano, o secretário geral da Associação Nacional de Industriais de Lacticínios (ANIL), Pedro Pimentel, revelou que existe um “documento praticamente fechado” sobre os estatutos do futuro centro.

Pedro Pimentel salientou que, ao fim de um processo negocial que se arrastou por vários anos, foi conseguido um “consenso razoável” quanto aos estatutos do Centro de Leite e Lacticínios, acrescentando que o seu lançamento entrou na reta final.

O dirigente da ANIL frisou que o novo organismo terá como principais objetivos o desenvolvimento de ações de promoção do leite e dos produtos lácteos açorianos e a realização de investigação no setor.

Pedro Pimentel excluiu, no entanto, qualquer tipo de intervenção nas negociações dos preços do leite, uma vez que se trata de matéria que tem a ver com as relações diretas entre produtores e industriais.

Por seu lado, o secretário regional da Agricultura, Noé Rodrigues, salientou que o novo organismo será parceiro do executivo açoriano na “definição de políticas para o setor”.

“Trata-se de um instrumento poderosíssimo nas mãos de industriais e produtores para promover iniciativas de investigação, experimentação e inovação”, afirmou.

Noé Rodrigues garantiu ainda que o governo regional, enquanto “parceiro parassocial”, vai “apoiar e financiar muitas das iniciativas” do novo organismo.

A produção de leite nos Açores corresponde atualmente a cerca de um terço do total nacional, representando um dos suportes principais da economia do arquipélago.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.