"A ver o mar" eleita a melhor curta portuguesa do festival Córtex


 

Lusa/Ao online   Cultura e Social   7 de Abr de 2019, 12:41

Os filmes "A ver o mar", de Ana Oliveira e André Puertas, e "That summer without a home", de Santiago Reale, venceram no sábado o Córtex - Festival de Curtas-metragens de Sintra, revelou a organização.

A cerimónia de encerramento do nono festival decorreu no sábado à noite no Centro Olga Cadaval, em Sintra, tendo o júri atribuído o prémio de melhor curta nacional ao documentário "A ver o mar", de Ana Oliveira e André Puertas.

Foi ainda distinguido, na categoria de filmes em primeira exibição, o documentário experimental "Janela", uma produção luso-espanhola do coletivo de autores Left Hand Rotation.

Na competição internacional foi premiado "That summer without a home" do realizador argentino Santiago Reale.

Os alunos das escolas de Sintra e Lisboa elegeram "Moody Booty", de Kathrin Kuhnert, como o melhor filme do programa "Mini-Córtex".

Os filmes premiados desta edição do Córtex podem ser vistos hoje, às 18h, no Centro Cultural Olga Cadaval, e no dia 10, no Cinema Ideal, em Lisboa.

Este ano, o Córtex ficou marcado por uma retrospetiva do cinema do realizador e artista visual português Gabriel Abrantes, com 15 filmes, que abrangem uma década de trabalho com a imagem em cinema.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.