Crime

15 detidos e duas réplicas de armas de fogo apreendidas em megaoperação da PSP


 

Lusa/AO online   Nacional   29 de Ago de 2008, 11:51

A PSP do Porto anunciou a detenção de 15 pessoas e a apreensão de duas réplicas de armas de fogo e dois automóveis numa operação de prevenção criminal e fiscalização rodoviária, "de grande envergadura", que terminou esta sexta-feira.
Em comunicado, fonte do Comando Metropolitano do Porto da PSP adiantou que na operação estiveram envolvidos cerca de 200 elementos policiais.

    Segundo refere, da operação policial desenvolvida no âmbito da prevenção criminal, abrangendo os bairros portuenses do Lagarteiro e da Sé, resultou a detenção de dois homens e uma mulher e a apreensão de duas réplicas de armas de fogo.

    Um dos detidos foi encontrado na posse de heroína suficiente para cerca de 31 doses individuais, que lhe foi apreendida, enquanto o outro transportava uma arma branca, também confiscada.

    Já a mulher foi detida por "resistência e coacção sobre agente policial".

    No âmbito da operação de fiscalização rodoviária, realizada nos "principais eixos viários de acesso à cidade" do Porto, a PSP diz ter dado "especial atenção" à condução sob a influência de álcool/estupefacientes e às infracções graves/muito graves.

    Como resultado, foram detidas 12 pessoas por condução sob o efeito de álcool e identificados 615 condutores, 354 dos quais foram submetidos ao teste de álcool no sangue, e respectivas viaturas.

    Nesta operação foram ainda apreendidos dois automóveis e levantados autos referentes a 46 infracções ao Código da Estrada e legislação rodoviária, entre as quais 14 muito graves e 15 graves.

    De acordo com a PSP, o detido encontrado na posse de heroína é hoje presente ao Tribunal de Instrução Criminal do Porto, enquanto os restantes foram notificados para comparecerem nos respectivos tribunais.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.