Xutos e Pontapés e Resistência na Semana de Portugal de Toronto

Xutos e Pontapés e Resistência na Semana de Portugal de Toronto

 

Lusa/AO Online   Nacional   9 de Mai de 2017, 08:22

A banda portuguesa Xutos e Pontapés e Resistência são os cabeças de cartaz da Semana de Portugal 2017, em Toronto, no Canadá, naquela que será a "melhor celebração de todos os tempos", anunciou hoje a organização.

 

"A luta continua. Esta é a maior celebração de todos os tempos. Temos trazer a esta Semana de Portugal um pouco dos últimos 30 anos, daí a presença dos Xutos e Pontapés. Vamos ter os Resistência, pois resolvemos que esta era a altura certa para que finalmente pudessem vir a Toronto", afirmou José Maria Eustáquio, de 53 anos, o presidente da ACAPO.

A Semana de Portugal de Toronto, promovida pela aliança dos clubes e associações portuguesas, com diversas atividades, tem o jantar de Gala agendado para o dia 13 de maio, no salão da Liuna Local 183, dedicado aos 70 anos de ensino da língua portuguesa no Canadá.

Serão este ano atribuídas mais de 40 bolsas de estudo a voluntários e colaboradores dos clubes e associações que integram a ACAPO, num apoio que ronda os 100 mil dólares canadianos.

A Parada do Dia de Portugal, realiza-se no sábado, dia 10 de junho, a partir das 11:00 locais, entre a Lansdowne Avenue e o Trinity Bellwoods Park, no coração da comunidade portuguesa de Toronto.

Os espetáculos musicais este ano foram divididas, no fim-de-semana de 9 a 11 de junho, no Earlscourt Park, junto à St. Claire Avenue, com a presença de Xutos e Pontapés, Resistência e Tiago Maroto, entre outros talentos locais.

Na sequência das celebrações dos 150 anos do Canadá, o ACAPO vai promover nos dias 30 de junho, 01 e 02 de julho, também no Earlscourt Park, o Festival da Juventude com a presença de Shawn Desman, Danny Fernandes e Keshia Chanté.

"Estamos a celebrar os 150 anos de um país. Temos a oportunidade de agradecer a alguns talentos da nossa comunidade, muitos deles começaram no palco da Semana de Portugal", sublinhou José Maria Eustáquio.

Após organizar 20 Semanas de Portugal o dirigente diz que esta é a altura certa para cessar funções, até porque o sindicato local da construção civil anunciou recentemente o patrocínio oficial do evento.

"O acordo de patrocínio com o sindicato da construção vai permitir à ACAPO manter as portas abertas, pagar as suas despesas mensais, e dar uma oportunidade a sangue novo no nosso elenco, com novas ideias. Independentemente da nossa boa capacidade, a nossa altura acabada sempre por chegar, então é necessária nova energia e uma nova visão", concluiu.

No final de outubro a Aliança dos Clubes e Associações Portuguesas do Ontário vai escolher um novo elenco diretivo.

A Semana de Portugal 2017 tem um orçamento que ronda os 700 mil dólares, sendo que 261,40 mil são de apoios governamentais.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.