Timor-Leste

Xanana envia condolências a Sócrates pela morte de militar da GNR


 

Lusa / AO online   Nacional   21 de Jun de 2010, 10:55

O primeiro-ministro timorense, Xanana Gusmão, enviou esta segunda-feira uma carta de condolências ao seu homólogo português, José Sócrates, ao comando da GNR e à família do sargento-ajudante Hermenegildo Marques, que morreu num acidente em Manatuto.
“Foi com profundo pesar que tive conhecimento da morte do Sargento-Ajudante Hermenegildo Manuel Almeida Marques, chefe da equipa de inactivação de engenhos explosivos do Sub-Agrupamento Bravo da Guarda Nacional Republicana, sedeado em Timor-Leste", refere Xanana Gusmão na carta enviada a José Sócrates.

"O Sargento-Ajudante Marques deslocava-se para mais uma missão de serviço, uma das inúmeras que os militares da Guarda têm desempenhado ao longo do País, permitindo a recolha e posterior denotação de grandes quantidades de engenhos explosivos, acautelando, dessa forma, a segurança das populações”, afirma Xanana Gusmão.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.