Sociedade

Viagem de finalistas transforma-se em "viagem do luto"


 

Lusa/AO online   Nacional   1 de Abr de 2010, 12:01

“É a viagem do luto”. Esta foi a expressão utilizada pelos companheiros do rapaz de 17 anos que morreu após cair da varanda do terceiro andar de um hotel de Lloret de Mar, antes de partirem de regresso a Portugal.
Quatro mil dos nove mil finalistas abandonam a cidade durante o esta quinta-feira, distribuídos em 60 autocarros, mas para muitos a viagem acabou logo após o acidente.

“Acabaram-se as férias. Acabou-se tudo”. “A diversão foi substituída por um ambiente pesado, por um silêncio incómodo. Começamos a viver o luto. Regressamos a Portugal sendo um menos”, disseram alunos à Lusa.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.