Vasco Cordeiro vê com cautela orçamento que suspende redução nas Lajes provisoriamente

Vasco Cordeiro vê com cautela orçamento que suspende redução nas Lajes provisoriamente

 

Lusa/AO Online   Regional   17 de Jun de 2015, 06:11

O presidente do governo regional dos Açores, Vasco Cordeiro, disse em Washington que vê com cautela o orçamento que suspende provisoriamente a redução na base das Lajes.

 

"São iniciativas que ainda estão numa fase muito inicial do processo", explicou o presidente açoriano.

Vasco Cordeiro referia-se à aprovação pela Câmara dos Representantes, nesta terça-feira, de um orçamento que suspende a redução na base das Lajes até ficar provado que a base açoriana não tem condições para acolher um novo complexo planeado para o Reino Unido.

Para ser tornado lei, o documento precisa ainda ser aprovado pelo Senado e ser ratificado pelo presidente dos EUA, Barack Obama.

"É preciso não esquecer que [estas iniciativas] ainda não foram votadas no Senado e que ainda precisam passar pelo presidente Obama. Desse ponto de vista, apesar de reconhecer a sua importância, acho que devemos aguardar", acrescentou.

Vasco Cordeiro mostrou-se, no entanto, satisfeito com a forma como o processo decorre nos órgãos legislativos norte-americanos.

"São iniciativas que correspondem aquilo que sempre consideramos importante, que tem a ver com a valorização da importância estratégica da ilha Terceira em particular e dos Açores em geral", disse.

A linguagem relativa às Lajes deste orçamento foi ainda incluída na lei orçamental da Defesa, Militar e da Construção Militar.

 



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.