Valor médio da avaliação bancária sobe para 1.162 euros/metro quadrado

Valor médio da avaliação bancária sobe para 1.162 euros/metro quadrado

 

Lusa/AO Online   Economia   27 de Ago de 2010, 12:50

O valor médio de avaliação bancária da habitação fixou-se nos 1.162 euros por metro quadrado em julho, um aumento de 0,1 por cento face a junho e de 1,3 por cento em termos homólogos.

De acordo com o Inquérito à Avaliação Bancária na Habitação, divulgado hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), "comparativamente ao mês anterior, a Área Metropolitana de Lisboa apresentou uma diminuição de 0,3 por cento, enquanto na do Porto se registou um aumento de 1,5 por cento".

O INE destaca, entre as variações em cadeia positivas, as registadas na Região Autónoma da Madeira (2,4 por cento) e na região Centro (um por cento).

Em relação a julho do ano passado, "verificou-se que, embora com menor intensidade que em junho, o valor médio de avaliação bancária na Região Autónoma da Madeira voltou a diminuir (0,8 por cento, a que corresponde uma diminuição de 11 euros)".

O instituto de estatísticas refere que as restantes regiões registaram variações positivas, destacando as regiões Norte (2,5 por cento), Centro (2,2 por cento) e Autónoma dos Açores (3,2 por cento).


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.