Eleições

Ucrânia dividida entre a Rússia e Europa


 

Lusa / AO online   Internacional   5 de Fev de 2010, 10:48

Quando se sai da estação de caminho-de-ferro de Lvov, a maior cidade do ocidente da Ucrânia, fica-se com a impressão de que em nada se assemelha a Kiev, a capital, ou a outras localidades da parte central e oriental do país.
A paisagem arquitectónica não é dominada pelas cúpulas douradas em forma de cebola dos templos ortodoxos, mas pelas cruzes das igrejas católicas e greco-católicas. Lvov faz mais lembrar cidades como Viena, Praga, Varsóvia ou Budapeste.

A história desta cidade e da Ucrânia Ocidental em geral ficou marcada pelo facto de terem pertencido, em diferentes épocas, ao império Austro-Húngaro e à Polónia, tendo entrado na “zona de influência russa” apenas em 1939, quando foram ocupadas pela União Soviética devido ao pacto Molotov-Ribbentrop.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.