Tripulantes de pesqueiro desaparecido encontrados vivos

Tripulantes de pesqueiro desaparecido encontrados vivos

 

Lusa/Aonline   Nacional   2 de Dez de 2011, 10:34

Os seis tripulantes da embarcação de pesca "Virgem do Sameiro" foram hoje encontrados com vida a 12 milhas, cerca de 22 quilómetros, a noroeste do cabo Mondego, disse à agência Lusa o porta-voz da Marinha.

Os seis tripulantes foram detetados pelo helicóptero da Força Aérea às 11:03 e às 12:00 já tinham sido resgatados, encontrando-se a bordo do helicóptero que os vai transportar para a Base Aérea de Monte Real onde vão ser assistidos por equipas do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Em declarações à agência Lusa, o porta-voz da Marinha Portuguesa, comandante Alexandre Santos Fernandes, disse que os seis homens foram detetados na balsa salva-vidas pelo helicóptero da Força Aérea que colaborava nas operações de busca e salvamento.

O comandante Santos Fernandes contou que as buscas começaram quinta-feira à tarde e continuaram durante toda a noite com a participação do navio patrulha oceânico “Viana do Castelo” e até às duas da manhã por um C295 da Força Aérea.

“Hoje de manhã, as buscas foram reforçadas com a participação de meios aéreos e uma embarcação salva-vidas da capitania da Figueira da Foz e foi também reforçado com um helicóptero EH101 que tinha uma missão de treino planeado mas que se juntou às buscas e encontrou a balsa com os seis tripulantes a bordo”, contou.

O comandante Santos Fernandes disse ainda que assim que for possível vão falar com os tripulantes para tentar saber o que aconteceu em concreto.

O barco de pesca “Virgem do Sameiro”, com pelo menos seis pessoas a bordo, desapareceu na terça-feira ao largo da Figueira da Foz.

A Marinha Portuguesa foi alertada às 10:20 de quinta-feira e de imediato acionou para o local o navio-patrulha oceânico “Viana do Castelo, um barco salva-vidas e uma embarcação de alta velocidade da Capitania do Porto da Figueira da Foz, com o apoio de um avião da Força Aérea.

O porta-voz da Marinha, Alexandre Santos Fernandes, disse à Lusa na quinta-feira que as buscas, sem sucesso, estavam a ser realizadas entre o Cabo Mondego, na Figueira da Foz, e a praia do Pedrógão.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.