Grécia

Teleconferência do Eurogrupo adiada


 

Lusa/AO Online   Economia   1 de Jul de 2015, 08:30

A reunião por teleconferência dos ministros das Finanças da zona euro, que deveria acontecer esta manhã, foi adiada para as 16:30 (hora de Lisboa). O anúncio do adiamento foi dado pelo chefe de gabinete do presidente do Eurogrupo através da rede social Twitter, tendo informado que o encontro acontece mais tarde por "pedido de vários ministros".

Esta reunião acontece depois de na terça-feira ter terminado o programa de resgate à Grécia e ter expirado também o prazo para Atenas reembolsar o Fundo Monetário Internacional em quase 1.600 milhões de euros.

Ao fim da tarde de terça-feira, depois de um pedido de última hora de Atenas para uma extensão do programa de assistência, os ministros das Finanças da zona euro reuniram-se numa teleconferência de emergência.

Na sua conta da rede social de Twitter, o ministro das Finanças finlandês, Alexander Stubb, indicou que a proposta apresentada terça-feira pelo primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, continha três pedidos, e escreve que dois, a extensão do atual programa e um perdão de dívida "não são possíveis", enquanto o terceiro, um novo empréstimo do mecanismo europeu de estabilidade, será analisado segundo "o procedimento habitual", ou seja, mais tarde.

A reunião de hoje à tarde deverá servir para o Eurogrupo analisar em mais detalhe a carta dirigida na terça-feira pelo primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, ao presidente do conselho de governadores do Mecanismo Europeu de Estabilidade, Klaus Regling, e ao presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem.

 



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.