Crédito à habitação

Taxa de juro implícita cai para valor mais baixo desde que há registo

Taxa de juro implícita cai para valor mais baixo desde que há registo

 

Lusa / AO online   Economia   29 de Mar de 2010, 12:01

A taxa de juro implícita dos contratos de crédito à habitação em Portugal caiu em Fevereiro para 1,873 por cento, o nível mais baixo desde que há registo, avançou esta segunda-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).
O valor médio da prestação vencida foi de 251 euros, uma redução média de um euro na prestação de quem tem de pagar o seu empréstimo, face ao mês anterior.

"Desde o início de 2009, a prestação média atingiu uma redução de 118 euros, o que correspondeu a um decréscimo de 38 por cento", refere o INE.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.