Sporting, Marítimo e Académica procuram primeira vitória na Liga Europa


 

Lusa/AOonline   Futebol   2 de Out de 2012, 12:44

Sporting, Marítimo e Académica disputam na quinta-feira a segunda jornada da Liga Europa de futebol, ainda à procura da primeira vitória na prova, depois de os primeiros terem empatado na estreia e os

O Sporting estreou-se com um nulo em casa frente aos suíços do Basileia e o Marítimo com idêntico resultado na receção aos ingleses do Newcastle, enquanto a Académica sofreu uma derrota fora frente aos checos do Viktoria Plzen (3-1).

Dos três, o Sporting, que no último ano foi semifinalista na Liga Europa, teve o início mais desolador, num arranque de época que tem estado longe de convencer e que tem suscitado críticas à equipa.

Não é só no palco europeu que os “leões” tiveram um mau começo, mas sobretudo no campeonato, com uma única vitória (2-1 ao Gil Vicente em Alvalade) em cinco jornadas realizadas (três empates e uma derrota).

A última “amargura” leonina aconteceu no sábado, com a equipa de Sá Pinto a empatar em casa com o Estoril – este ano de regresso à primeira liga – num jogo em que até esteve a perder por 2-0, e conseguiu igualar na parte final.

Na quinta-feira, os “leões” visitam os húngaros do Videoton, que, na primeira jornada, saíram derrotados da visita ao Genk (3-0) e são últimos do grupo G.

Será ainda um reencontro do ex-futebolista e atual técnico Paulo Sousa com o clube de Alvalade, mas também do defesa Marco Caneira, jogador que esteve várias épocas no Sporting.

Outro português na equipa húngara é o médio Filipe Oliveira, jogador formado no Sporting de Braga e que teve passagens por vários clubes “europeus”: Chelsea, Preston, Parma e Torino.

O Sporting está quase obrigado a vencer, não tanto pelo futuro no grupo, no qual ainda é favorito, mas perante a situação de ausência de resultados, que poderá colocar em risco o lugar de Sá Pinto, em véspera da visita ao FC Porto.

Nesta segunda jornada europeia, o Marítimo visita o Brugge – equipa que perdeu na estreia com o Bordéus e que parece ser o conjunto mais acessível -, num jogo em que os madeirenses têm argumentos para se colarem na frente, enquanto os franceses visitam o Newcastle.

Já a Académica, vencedora da Taça de Portugal e por isso com vaga direta na Liga Europa, estreou-se com uma derrota frente ao Plzen e recebe agora em Coimbra os israelitas do Hapoel Telavive.

O grande favorito no grupo B é inevitavelmente o Atlético de Madrid, detentor do troféu, e que nesta jornada receberá no Vicente Calderón a equipa checa, abrindo caminho para que Marítimo ou Hapoel possam lutar também pelo segundo lugar.

Na segunda jornada da Liga Europa destaque ainda alguns jogos de “nível teoricamente superior”, nomeadamente para a receção do Liverpool à Udinese, no grupo A, do PSV Eindhoven ao Nápoles, no grupo F, ou do Panathinaikos ao Tottenham, no grupo J.

No lado grego o treinador é Jesualdo Ferreira, enquanto nos ingleses está André Villas-Boas, num encontro de técnicos portugueses – antigos campeões pelo FC Porto – e que orientaram em anos consecutivos os "dragões".

Os dois ocupam as últimas posições do grupo J, que é liderado pelos eslovenos do Maribor (três pontos), seguidos da Lazio (um ponto), de Tottenham (um ponto) e, finalmente, de Panathinaikos (sem pontos).


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.