SOS Mediterrâneo pede apoio à sua missão durante o inverno

SOS Mediterrâneo pede apoio à sua missão durante o inverno

 

Lusa/Açoriano Oriental   Internacional   7 de Jan de 2017, 13:36

A SOS Mediterrâneo, uma das duas únicas organizações não governamentais (ONG) que ainda atuam no Mediterrâneo central em operações de socorro a migrantes, pediu para que apoiem a sua missão durante o inverno.

“Continuamos a dizer que há urgência no Mediterrâneo”, declarou a cofundadora e diretora-geral da ONG, Sophie Beau, citada pela France Presse.

Apesar do inverno, centenas de migrantes continuam a tentar atravessar o Mediterrâneo desde a Líbia, explicou a responsável, precisando que a sua ONG já salvou 375 pessoas desde o início do ano.

Cerca de 181.436 migrantes chegaram à costa italiana no ano passado, um recorde em relação aos anos anteriores, indicou na sexta-feira a agência europeia para a defesa das fronteiras e emigração, Frontex.

A SOS Mediterrâneo, cujos 99% do financiamento provêm de donativos privados, lançou também hoje um apelo para uma ajuda financeira, nomeadamente, por parte dos poderes públicos, nacionais e europeus.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.