Sony Ericsson e Nokia são as empresas electrónicas mais "verdes"


 

Lusa / AO online   Economia   8 de Jan de 2010, 17:07

A Sony Ericsson e a Nokia são as empresas electrónicas mais 'verdes', segundo um relatório divulgado pela organização ecologista Greenpeace, que coloca os fabricantes Nintendo, Microsoft e Lenovo no fim da tabela ambiental.
A Greenpeace, que apresentou o seu 'Guia para uma electrónica mais verde', também criticou outros gigantes do sector, como a Samsung, Dell, Lenovo e LG Electronics por não cumprirem as promessas de eliminar substâncias tóxicas nos seus produtos.

No outro extremo, além da Sony Ericsson e da Nokia, situam-se a Apple e a HP que lideram o sector em termos de eliminação de substâncias perigosas das suas linhas de produção.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.