PSD/Açores diz ser necessário "continuar a pressão" em Washington

PSD/Açores diz ser necessário "continuar a pressão" em Washington

 

Lusa/AO online   Regional   8 de Jan de 2015, 15:48

O líder do PSD/Açores afirmou que face à decisão dos Estados Unidos de reduzir trabalhadores na base das Lajes é necessário "redobrar esforços" e "continuar a pressão" para reverter ou atenuar a decisão do Pentágono.

Os Estados Unidos da América anunciaram hoje uma redução gradual dos trabalhadores portugueses da base das Lajes, Açores, de 900 para 400 pessoas ao longo deste ano, e os civis e militares norte-americanos passarão de 650 para 165.

“Agora, face a este ‘forcing’ do Pentágono temos de redobrar os nossos esforços de solidariedade entre partidos e entre governos no sentido de continuar a pressão em Washington para que estando ao lado do Congresso, que neste caso tem sido o nosso principal defensor, tentar pela via política reverter ou atenuar esta decisão do Pentágono”, afirmou Duarte Freitas aos jornalistas, após uma audiência com o presidente do Governo dos Açores, em Ponta Delgada.

O líder do principal partido da oposição nos Açores recordou que o PSD tem estado “sempre ao lado” do Governo e dos restantes partidos no arquipélago em torno da questão da base das Lajes, destacando a sintonia que tem existido na defesa dos interesses dos Açores no que diz respeito a este assunto.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.