SINTAP quer estender aos Açores medida nacional sobre mobilidade intercarreiras

SINTAP quer estender aos Açores medida nacional sobre mobilidade intercarreiras

 

Lusa/AO Online   Regional   5 de Set de 2016, 19:19

A estrutura regional dos Açores do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública (SINTAP) defendeu hoje que deve ser estendida ao arquipélago a mobilidade intercarreiras dos trabalhadores.

De acordo com um comunicado da estrutura sindical, estão “reunidas as condições” para que o Instituto da Segurança Social dos Açores (ISSA) e restantes órgãos e serviços da administração pública regional, bem como as autarquias, “adotem e sigam nos Açores o exemplo nacional”, valorizando-se e motivando-se, assim, os trabalhadores.

O SINTAP adianta que o Instituto da Segurança Social deliberou, a nível nacional, em junho passado, avançar com um procedimento de mobilidade intecarreiras através do qual se promoveu, com efeitos a partir de 01 de setembro, à valorização profissional de cerca de 620 dos seus trabalhadores por via do seu acesso a carreiras superiores e na sequência das habilitações académicas por estes entretanto adquiridas.

Segundo o sindicato, o procedimento conduziu a que cerca de 450 trabalhadores das carreiras de assistente técnico e assistente operacional, que entretanto se licenciaram, passassem para a carreira técnica superior.

O mesmo aconteceu com mais de 170 assistentes operacionais que, por terem completado o 12.º ano de escolaridade, transitaram para a carreira de assistente técnico, ainda de acordo com o SINTAP.

“Trata-se de uma medida que o SINTAP considera muito positiva por valorizar e reconhecer muito justamente o esforço feito pelos trabalhadores na sua formação académica”, salienta.

O SINTAP espera que este processo “dê lugar à abertura dos consequentes concursos” que permitam que todos estes trabalhadores possam ver a sua permanência consolidada nas novas carreiras para as quais transitaram.

O processo de mobilidade intercarreiras visa assegurar a manutenção dos trabalhadores, evitando-se que peçam para mudar para outros serviços que oferecem condições salariais mais atrativas e onde poderão desempenhar funções ajustadas às suas qualificações.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.