Sindicatos querem suspensão da privatização da TAP

Sindicatos querem suspensão da privatização da TAP

 

Lusa/AO Online   Economia   11 de Dez de 2012, 10:56

O presidente do Sindicato de Técnicos de Handling de aeroportos (STHA), André Teives, exigiu a suspensão da privatização da TAP e acusou o Governo de ignorar os pedidos de reunião sobre o processo.

"Tudo faremos para que o processo seja suspenso para que possamos então conversar, ouvir e ser ouvidos sobre isto. Nós queremos participar naquilo que é o futuro de uma empresa que é de todos os portugueses não é só dos trabalhadores da TAP", afirmou.

Em declarações à Agência Lusa no final de uma reunião com o coordenador do Bloco de Esquerda João Semedo, na sede do BE, Lisboa, André Teives acusou o Governo de ter ignorado os pedidos de reunião feitos por vários sindicatos dos trabalhadores da TAP sobre o processo de privatização.

André Teives, que disse falar em nome da plataforma que reúne oito sindicatos representativos dos trabalhadores da TAP, considerou "inadmissível" que, no momento em que o processo de privatização está a avançar, os funcionários não tem quaisquer garantias "sobre os postos de trabalho" ou sobre "o desenvolvimento da empresa".

"Não temos garantias de nada, não houve um minuto de reunião com qualquer ministério que tutela, as Obras Públicas, as Finanças, a Economia, ninguém do Governo se dignou sequer a responder aos nossos pedidos", disse.

O processo de privatização da TAP poderá estar na agenda do conselho de ministros de hoje, que começa às 15:00.

Na semana passada, terminou o prazo para a entrega de propostas vinculativas de compra da TAP, tendo sido entregue uma única proposta, pelo empresário German Efromovich, dono do grupo Synergy.

O Governo português já admitiu a hipótese de congelar o processo de privatização da TAP, caso considere que a proposta de compra não assegura o interesse nacional.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.