Sindicato da PSP entrega hoje petição no parlamento para exigir subsídio de risco

Sindicato da PSP entrega hoje petição no parlamento para exigir subsídio de risco

 

Lusa/AO Online   Nacional   23 de Mar de 2017, 06:30

A Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP/PSP) vai entregar hoje, na Assembleia da República, uma petição para exigir a atribuição do subsídio de risco aos polícias, reivindicado há mais de 25 anos.

“A profissão de polícia é de risco, por isso deviam ter a recompensação necessária”, disse à agência Lusa o presidente da ASPP, Paulo Rodrigues, considerando que “é justo” a atribuição deste subsídio aos profissionais da Polícia de Segurança Pública.

A petição, com cerca de oito mil assinaturas, tem como objetivo pedir aos deputados da Assembleia da República que debatam o assunto e aprovem legislação nesse sentido, adiantou o presidente do sindicato mais representativo da PSP.

Segundo Paulo Rodrigues, o subsídio de risco já foi atribuído "e bem" a outras polícias, como aos inspetores da PJ, mas os elementos da PSP têm “mais situações de agressões e morte em serviço”.

O presidente da ASPP afirmou que esta questão já foi discutida com vários ministros da Administração Interna, mas até agora ainda não foi aprovada legislação sobre o subsídio de risco.

O subsídio de risco é reclamado pelas associações sindicais há mais de 25 anos.

Segundo a ASPP, cerca de 500 polícias ficam feridos em serviço todos os anos.

Em dezembro de 2016, a ASPP entregou também no parlamento uma petição com mais de 10 mil assinaturas em defesa de um novo quadro legal que previna riscos na saúde e segurança no trabalho.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.