Sinal de TDT volta a estar com disponibilidade próxima de 100% em 2016

Sinal de TDT volta a estar com disponibilidade próxima de 100% em 2016

 

Lusa/AO Online   Nacional   10 de Jan de 2017, 06:33

O sinal de televisão digital terrestre (TDT) apresentou valores de disponibilidade de serviço próximos dos 100% e nível de estabilidade de serviço elevado em 2016, de acordo com um estudo da ANACOM.

 

"Globalmente, é possível afirmar que nas zonas do país onde o sinal digital de televisão chega por via terrestre a receção de televisão fez-se de forma quase permanente e sem interrupções", lê-se no comunicado da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) hoje divulgado, com base no estudo realizado na informação da rede de sondas espalhadas pelo país.

O destaque recai sobre a Guarda, com o maior tempo de receção de serviço, 99,96%, seguindo-se Faro, com 99,95%, e depois Viana do Castelo, com 99,94%.

Já Aveiro, Leiria e Porto são os distritos com os resultados mais baixos, ainda assim com 97,06%, 98,56% e de 99,22% de disponibilidade, respetivamente.

Todos os outros distritos tiveram um desempenho acima da média nacional (99,37%).

Janeiro foi o mês em que a rede de TDT apresentou melhor desempenho, com disponibilidade de serviço de 99,77%, enquanto julho foi o mês com uma disponibilidade de serviço mais baixa (98,83%).

O regulador diz ainda que no que diz respeito à estabilidade de serviço, 2016 caracterizou-se por ser um período em que a estabilidade de serviço foi elevada, tendo dezembro sido o mês com melhor desempenho e julho o que registou menor estabilidade, já que, segundo a ANACOM, as alterações atmosféricas com a chegada do verão provocam alguma instabilidade no sinal.

O estudo do regulador detalha ainda que os dias com maior e menor estabilidade de serviço foram, respetivamente, 03 de dezembro e 08 de junho e sublinha que "importa ter em conta que mesmo quando a estabilidade do sinal é menor podem não existir alterações que sejam percetíveis para a generalidade dos utilizadores".

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.