Religião

Semana Santa afectada por crise e escândalos na Igreja

Semana Santa afectada por crise e escândalos na Igreja

 

Pedro Nunes Lagarto   Regional   2 de Abr de 2010, 17:58

O Bispo de Angra e Ilhas dos Açores admite que a Semana Santa é afectada pela crise económica e pela divulgação de casos de pedofilia na Igreja.

Na sua tradicional mensagem da Páscoa, D. António Sousa Braga escreve que “é algo sombria esta Semana Santa, que nos toca viver”, justificando a sua opinião com duas situações distintas, uma de índole económica e outra relacionada com a publicação dos escândalos que envolvem a Igreja. “Num cenário de crise económica, a exigir sacrifício da parte de todos e com a divulgação obsessiva dos escândalos de abuso sexual de menores no seio da Igreja, que põem em causa a sua credibilidade”.
Na sua mensagem D. António de Sousa Braga não esquece o Papa que “corajoso e rigoroso na análise desses escândalos, é alvo de ataques”.
Ora, de acordo com o Bispo de Angra e ilhas dos Açores, a mensagem da Páscoa da Ressurreição vem mesmo a propósito, incutindo esperança e coragem, para enfrentar as dificuldades da vida, e isto apesar de estar consciente de que os tempos que se avizinham  vão ser difíceis e exigentes.

Leia esta notícia na íntegra na edição impressa do Açoriano Oriental desta sexta-feira, dia 2 de Abril de 2010


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.