Liga de Honra

Santa Clara de regresso às vitórias


 

Susete Rodrigues   Futebol   22 de Dez de 2007, 18:35

Após sete jogos sem vencer, o Santa Clara regressou às vitórias na Liga de Honra, frente ao Rio Ave, vencendo por uma bola a zero.
   

Após sete jogos sem vencer, o Santa Clara regressou às vitórias na Liga de Honra, frente ao Rio Ave, líder da competição, vencendo por uma bola a zero.

O tento de Júlio César, ao minuto 84 foi dedicado a PauloSérgio, treinador dos encarnados de Ponta Delgada, e veio dar um grande ânimo à equipa neste que foi o último encontro de 2007, numa altura em que estrearam a nova bola que estar a ser utilizada nas provas da Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

Portanto, espera-se que o arranque em 2008 seja de muita motivação para oSanta Clara.

Frente ao líder da prova, oSanta Clara optou por jogar mais em defesa - ataque, omitindo por algumas vezes o meio-campo, isto porque o Rio Ave entrou muito bem no jogo, controlando da melhor forma e criando maior número de oportunidades. Aqui entra o guarda-redes do Santa Clara, Fernando, que por algumas vezes teve grande peso.

O RioAve entrou com muita vontade de vencer e o primeiro remate de perigo aconteceu ao minuto três, com Keyta, sozinho a rematar ao lado.

O Santa Clara viria a responder, num livre de Pacheco, mas César conseguiu segurar a bola.

O Rio Ave, melhor nos cortes de bola, volta a criar perigo por Danielson, seguindo-se ao minuto 23, num passe de Chidi para Milhares e este a rematar muito perto do poste da baliza encarnada.

Até ao intervalo, o Rio Ave ainda dispus de duas oportunidades, uma por Chidi e outra de Keyta; enquanto o Santa Clara, a subir mais um pouco e a conseguir desvencilhar-se dos defesas adversários, levou perigo ao minuto 35 com Josa a rematar perto do poste, depois de cruzamento de Júlio César e depois, na sequência de uma canto, Anselmo remata por cima.

Com um nulo, as equipas foram para intervalo, regressando depois e com o RioAve, novamente a dificultar a vida do Santa Clara, concretamente de Fernando, que teve sorte num chapéu de Chidi, este que muito rematou no encontro, mas não foi feliz na finalização.

O Santa Clara tentava trocar mais a bola e Vítor Silva, pouco depois de ter entrado, leva César a um defesa complicada.

O golo surgiu só ao minuto 84, depois de uma jogada de insistência do Santa Clara em que Júlio César resolve da melhor forma, dando assim a vitória aos encarnados de Ponta Delgada, este muito festejada.

Antes do tempo regulamentar, Ronaldo ainda tenta o golo do empate, mas de facto o Rio Ave não estava nos seus dias.

Já em tempo de compensação, JúlioCésar podia ter feito o segundo, mas o remate sai-lhe muito por cima da trave de César.

O trio de arbitragem esteve regular.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.