Rússia nega qualquer tentativa de ação unilateral na Ucrânia

Rússia nega qualquer tentativa de ação unilateral na Ucrânia

 

Lusa/AO online   Internacional   9 de Ago de 2014, 15:01

A Rússia desmentiu que as suas tropas tenham tentado entrar em solo ucraniano, como acusa Kiev, e garantiu que não está a considerar qualquer ação unilateral no país vizinho, mesmo com fins humanitários.

 

"Não percebemos a que se refere a Ucrânia. Não houve qualquer tentativa das forças russas no sentido de penetrarem" em território ucraniano, declarou às agências noticiosas russas o porta-voz do Kremlin Dmitri Pieskov.

Na sexta-feira a presidência ucraniana tinha afirmado que impediu, por meios diplomáticos, uma tentativa russa de fazer entrar no seu território uma coluna de ajuda humanitária.

A Rússia tem multiplicado as iniciativas, nomeadamente junto das Nações Unidas, para conseguir encaminhar ajuda humanitária para as populações de Donetsk e Lugansk, os dois últimos bastiões controlados por separatistas pró-russos depois de uma ofensiva de envergadura das forças ucranianas lançada há cerca de um mês no leste da Ucrânia.

A Rússia excluiu qualquer iniciativa unilateral da sua parte e disse que é preciso um acordo entre os dois lados em conflito para encaminhar ajuda para as populações de Donetsk e Lugansk "confrontadas com uma catástrofe humanitária", segundo o porta-voz do presidente russo, Valdimir Putin.

Segundo a ONU, o conflito iniciado há quatro meses já fez mais de 1.300 mortos e mais de 4.000 feridos.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.