Rui Tavares reconhece derrota ao não eleger mas diz-se orgulhoso do partido


 

Lusa/AO online   Nacional   4 de Out de 2015, 22:59

O cabeça de lista do Livre/Tempo de Avançar, Rui Tavares, assumiu este domingo a derrota dado o partido não ter conseguido eleger nenhum deputado, considerando sentir-se honrado e orgulhoso pelo trabalho desenvolvido desde a criação do partido.

 

"Nós não atingimos os resultados que queríamos atingir e isso significa evidentemente, do ponto de vista político, uma derrota", afirmou Rui Tavares aos apoiantes presentes no Teatro Maria Matos, onde o partido acompanhou a noite eleitoral, mas vincando que "uma derrota não envergonha ninguém".

Ao entrar na sala, Rui Tavares foi aplaudido pelos presentes até chegar ao púlpito de onde discursou, tendo terminado a sua intervenção ao som de outra larga salva de palmas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.