Roteiro turístico dá a conhecer "verdadeira realidade" de Rabo de Peixe

Roteiro turístico dá a conhecer "verdadeira realidade" de Rabo de Peixe

 

Lusa / AO online   Regional   19 de Jul de 2015, 11:57

A vila piscatória de Rabo de Peixe, nos Açores, muitas vezes "conhecida por maus motivos", vai passar a ter este verão um roteiro turístico para dinamizar a economia local e mostrar a "verdadeira realidade", segundo a Junta de Freguesia.

 

“O grande objetivo passa por dinamizar economicamente este local, mas acima de tudo também mostrar a verdadeira realidade de Rabo de Peixe, que muitas vezes, infelizmente, ainda é conhecido pelos maus motivos”, afirmou à Lusa o presidente da Junta de Freguesia de Rabo de Peixe, Jaime Vieira, que promove o roteiro turístico de uma terra que diz ser virtuosa mas ainda desconhecida da maioria das pessoas.

Com cerca de 9.700 habitantes, a vila, na costa norte da ilha de São Miguel, no concelho da Ribeira Grande, é uma das principais comunidades piscatórias açorianas, mas surge muitas vezes associada a um estigma de pobreza e problemas sociais que as entidades públicas têm procurado combater nos últimos anos, com vários projetos, incluindo com fundos europeus.

Jaime Vieira revelou que a Junta já contactou uma operadora turística, que está já a criar o roteiro, para que seja implementado no terreno ainda este verão "com uma série de iniciativas” associadas.

O novo porto de pesca, as festividades, as atividades lúdicas, as ofertas na área da restauração, o alojamento e as características das habitações, pintadas com várias cores, são alguns dos aspetos focados no roteiro, que visa potenciar o contacto do turista com a realidade da pesca, acompanhando a atividade no dia-a-dia dos pescadores.

Além disso, o roteiro incluirá indicações sobre empresas locais de construção de embarcações e está também a ser preparado um vídeo promocional da vila.

“O que pretendemos com a criação desse roteiro é colocar Rabo de Peixe no mapa turístico da região e, mais concretamente, de São Miguel, para que as pessoas possam vir visitar esta vila que tem muitas potencialidades”, frisou o presidente da Junta de Freguesia, salientando que os problemas sociais não são diferentes de outras localidades.

A ideia é também associar o roteiro a novos projetos para a freguesia na área do turismo, apostando na requalificação da zona litoral, embelezando algumas ruas e criando algumas esplanadas em cafés.

"Estamos a preparar junto da Direção Regional do Turismo e da Câmara Municipal da Ribeira Grande iniciativas e projetos que possam permitir que os visitantes saibam antecipadamente onde poderão ir. Serão também criadas infraestruturas de apoio a este mesmo roteiro e pretendemos também instalar cá algumas empresas turísticas", acrescentou Jaime Vieira.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.