Rock in Rio vai para Las Vegas com Taylor Swift, No Doubt e Metallica

Rock in Rio vai para Las Vegas com Taylor Swift, No Doubt e Metallica

 

Lusa   Nacional   27 de Set de 2014, 11:07

Depois do Brasil, Portugal e Espanha, o festival de música Rock In Rio anunciou hoje em Times Square, Nova Iorque, a sua primeira edição nos Estados Unidos, que acontece em Las Vegas em Maio do próximo ano.

O evento de lançamento aconteceu na edifício do grupo Nasdaq, onde dezenas de convidados ouviram Roberta Medina anunciar os nomes de Metallica, Linkin Park, Taylor Swift, No Doubt e John Legend.

O cartaz final será anunciado em janeiro, mas outros nomes serão já conhecidos nos próximos meses. Os bilhetes ficaram à venda a partir desta sexta-feira, por 298 dólares por fim de semana (cerca de 235 euros).

O festival acontecerá em dois fim de semana, oito e nove e 15 e 16 de maio.

O Rock in Rio fez uma parceria com o Cirque du Soleil e com os MGM Resorts International para realizar o festival no próximo ano e em 2017, e vai concorrer diretamente com outros festivais estabelecidos, como Coachella, Bonnaroo, Outside Lands e Life is Beautiful.

"Dá um frio na barriga vir para os Estados Unidos, porque é a capital mundial do entretenimento, mas não pela competição. Se olharmos para Portugal, comparativamente, têm muitos mais festivais. Os festivais que têm cá são muito menos e muito tradicionais", disse Roberta Medina à agência Lusa.

Medina diz que, no ano passado, segundo um estudo realizado, 17 por cento dos californianos conheciam a marca Rock in Rio. Depois de uma campanha publicitária, esse valor subiu para 50 por cento.

Mais ainda, depois de conhecerem a oferta do evento, 70 por cento dos inquiridos responderam que escolheriam este evento sobre qualquer outro.

"Tudo o que fazemos, fazemos com base em estudos de marketing", disse Roberta Medina.

A vice-presidente do Rock in RIo disse que serão investidos 25 milhões de dólares (perto de 20 milhões de euros) na campanha de comunicação porque "o americano tem de ficar a saber o que o Rock in Rio é."

A organização terá a tarefa facilitada porque, como explicou a vice-presidente do Rock in Rio, "o Brasil é o melhor cartão de visita do mundo e o Rio de Janeiro é melhor ainda."

A semelhança do que aconteceu em Lisboa, também será construída em Las Vegas uma cidade do rock. A responsabilidade da construção do espaço ficou a cargo da MGM.

O recinto ficará na conhecida Las Vegas Strip, junto ao hotel e casino Circus Circus e vai ter capacidade para acolher 80 mil pessoas.

A cidade do rock terá três ruas temáticas, representando o Brasil, o Reino Unido e os Estados Unidos, um parque de diversões com montanha russa e roda gigante e cinco palcos, incluindo o palco principal e um de música eletrónica.

Quando o festival não estiver a acontecer, o espaço vai acolher outros eventos.

O Rock in Rio celebra no próximo ano o seu 30 aniversário. Já teve 14 edições, mais de 1200 performances e um milhão de espectadores.

No final da conferência de imprensa, aconteceu o concerto dos Sepultura e de John Legend em Times Square, num palco construído para o efeito.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.