Revista de Imprensa Nacional


 

Lusa/Ao online   Nacional   20 de Dez de 2007, 05:18

A nova lei contra claques ilegais, a investigação aos crimes no Porto e a alegada discriminação nas escolas de alunos por classe social e notas são alguns temas hoje em destaque na imprensa de Lisboa.
O Correio da Manhã faz manchete com o título “PJ ainda sem armas dos crimes” no Porto, adiantando que o Ministério Público defende que há provas das mortes do segurança Ilídio Correia e do empresário Aurélio Palha e deixa cair acusação de terrorismo.

    Sobre este assunto, o CM realça também que quatro dos 11 detidos na operação “Noite Branca” ficaram em prisão preventiva.

    “Esmeralda fica com os pais [afectivos] até Abril”, “Seguradoras abrem guerra contra PPR do Estado” e “Chuva provoca estragos em todo o país” são outras chamadas de capa do CM.

    O Diário de Notícias anuncia na sua edição de hoje que “Nova lei contra claques ilegais ameaça deixar Estádio da Luz vazio”.

    De acordo com o matutino, os clubes que mantenham o apoio aos grupos organizados de adeptos não legalizados serão penalizados com a realização dos seus jogos à porta fechada.

    Esta é, salienta o DN, uma das penalizações previstas no projecto diploma para o combate à violência, racismo e xenofobia da secretaria de Estado e do Desporto que ainda carece de discussão e aprovação.

    Na primeira página, o diário destaca também “O que Macau mudou em oito anos sem Portugal” e “Baixa de Lisboa vai ter câmaras de vigilância”.

    O Jornal de Notícias titula “Alunos discriminados por classe social e notas”, adiantando que investigadores detectaram escolas públicas com estratégias para recusar repetentes, mais velhos ou oriundos de bairros sociais.

    “Prisão preventiva para `Pidá´ e mais três do gangue da Ribeira” e a inauguração das estações do Metro de Santa Apolónia e Terreiro do Paço são outros assuntos abordados hoje no JN.

    O Público notícia “Cavaco chamou Teixeira dos Santos para falar da crise do BCP”, salientando que o Presidente da República está contra a divisão do banco por vários concorrentes.

    O diário titula ainda “Superpetroleiro em dificuldades pediu para atracar em Sines”, “Nações Unidas falham acordo sobre Kosovo” e “Prisão preventiva para quatro dos 11 detidos” no âmbito da operação “Noite Branca” do Porto.

    “Mulher de Pidá tem medo de ser morta e quer protecção” policial é a manchete do 24horas, referindo que o alegado líder do gangue da Ribeira ficou preso acusado de dois homicídios.

    O diário escreve ainda que “Esmeralda fica com o sargento mais quatro meses”.

    O Jornal de Negócios avança na primeira página que “Procurador-Geral da República manda investigar BCP”, indicando que Pinto Monteiro já enviou denúncias de Joe Berardo para o Departamento de Investigação e Acção Penal.

    O económico diz ainda que o ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, garante que o seu apoio à candidatura de Filipe Pinhal “não é incondicional”.

    “EDP compra parques eólicos na Polónia” e “Taxas Euribor devem baixar para os 4,4 por cento em 2008” são outros temas abordados no JdN.

    O Diário Económico chama à primeira página “BCP vende 2 por cento da EDP para melhorar contas”, realçando que a venda do capital da EDP vai concretizar-se hoje e garante 330 milhões de euros.

    O económico puxa também para a capa “Banco Central Europeu: Europeus devem preparar-se para o pior”, numa alusão à crise financeira, e “Ninguém quer comprar o Autódromo do Estoril”.

    A revista Visão destaca hoje “As figuras de 2007”, realçando fotografias de Madeleine McCann, desaparecida a 03 de Maio na Praia da Luz, Algarve, do empresário Joe Berardo, do primeiro-ministro, José Sócrates, da fadista Mariza e do ex-vice-presidente dos Estados Unidos Al Gore.

    A revista Sábado puxa para a capa uma reportagem exclusiva “nas salas mais reservadas do Vaticano”, nas quais os processos de santificação são apreciados e decididos.

    A crise vivida no Benfica, com duas derrotas consecutivas e a 10 pontos do líder FC Porto, continua a merecer destaque de primeira página nos matutinos desportivos.

    “Dediquem-se a outra coisa!” é o aviso do treinador José António Camacho aos jogadores que não estiverem motivados, em dia de jogo com o Estrela da Amadora, último desafio dos “encarnados” neste ano de 2007.

    O Record noticia que "Benfica desiste de Leo", lateral que sai no final da época "com amor dos adeptos mas não dos dirigentes", nas palavras do empresário do jogador, que assume ruptura com o clube da Luz.

    A Bola anuncia mais um possível reforço para o Benfica, clube que, a contar com os “jogadores contratados” pelos jornais ficaria com duas ou três equipas completas.

    Desta vez trata-se de um ponta-de-lança internacional brasileiro, de 24 anos, ao serviço do Lyon de França, Fred de seu nome, que está “apontado à Luz”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.