Revista de Imprensa Nacional


 

Lusa / AO Online   Nacional   31 de Jan de 2010, 08:16

O centenário da República Portuguesa, cujas comemorações oficiais começam hoje, e a vitória do Benfica sobre o Guimarães no jogo de sábado são alguns dos temas em destaque nas primeiras páginas da imprensa de hoje.

"República, a revolução que continua longe do consenso" é o título do Público, que destaca com fotografia a recriação dos confrontos de 31 de janeiro de 1910, e que noticia em manchete "Medicamentos inovadores não chegam aos doentes por causa de atrasos do Infarmed".

Este diário escreve ainda na primeira página "Planos contra insucesso escolar alvo de críticas" e "China ameaça Estados Unidos com sanções" pela venda de armas a Taiwan.

"Dez por cento dos deputados ainda não revelaram os seu rendimentos" é a manchete do Diário de Notícias, que escreve também "FC Porto e Benfica não deixam Sp. De Braga descolar" e "Bebés que choram 12 horas por causa da vida de 'stress' dos pais".

O presidente da TAP, Fernando Pinto, faz o destaque fotográfico deste diário, com a declaração "Quero deixar a presidência com a TAP já privatizada" como legenda.

O Correio da Manhã noticia em manchete "Pensões de políticos custam 8,8 milhões" e ilustra com fotografia o jogo de sábado entre o Benfica e o Guimarães, titulando "Carlos Martins explosivo".

O desporto tem destaque na primeira página deste jornal, que escreve ainda "PSP a favor das águias no caso do túnel", "Falcão e Varela sossegaram o dragão", aludindo ao jogo de sábado do Futebol Clube do Porto, e "Sporting é um desafio aliciante", declarações do jogador Pedro Mendes.

O desafio que opôs o Benfica ao Guimarães merece também o destaque fotográfico do Jornal de Notícias, com o título "A noite de Carlos Martins", escrevendo este diário em manchete que "Automutilação cresce entre os mais jovens".

O JN noticia ainda "Quatro vozes para cem anos encheram Coliseu do Porto", sobre o início das cerimónias que assinalam o centenário da República, e "Cheiro dos cadáveres em putrefação nunca se esquece", uma reportagem sobre as consequências do sismo de 12 de janeiro no Haiti.

No 24 horas a manchete é "Amália, o novo rosto da República", escrevendo também o jornal que "Missão portuguesa [no Haiti] diz adeus com jogo de futebol".

Na imprensa desportiva, o destaque dos três diários vai para o jogo de sábado, que o Benfica venceu, titulando A Bola " Exuberante Benfica", o Record "Martins à bomba" e O Jogo "O explosivo Sr. Martins".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.