Revisão do Plano de Ordenamento Turístico dos Açores deverá estar concluída este ano

Revisão do Plano de Ordenamento Turístico dos Açores deverá estar concluída este ano

 

Lusa/Açoriano Oriental   Regional   4 de Jan de 2017, 14:39

A secretária da Energia, Ambiente e Turismo dos Açores anunciou que o Governo Regional pretende concluir "ainda este ano" a revisão do Plano de Ordenamento Turístico da Região Autónoma dos Açores (POTRAA).

"Além do Plano Estratégico e de Marketing do Turismo dos Açores, a Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo pretende também ver concluída, ainda este ano, a revisão do POTRAA", declarou Marta Guerreiro.

A governante, que falava em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, na apresentação da vertente dos Açores do Laboratório Estratégico de Turismo, declarou que este processo terá lugar "em articulação" com as entidades públicas de âmbito regional, parceiros do setor e áreas transversais ao mesmo, como o ambiente, agricultura e mar.

Marta Guerreiro explicou que com o POTRAA se pretende "analisar a oferta" do alojamento turístico nas suas diferentes tipologias e "explorar as ofertas individuais" de cada ilha dos Açores.

A responsável adiantou que o Laboratório Estratégico do Turismo/Açores vai permitir "pensar numa estratégia a longo prazo" que irá integrar políticas setoriais e "promoverá uma articulação" entre as entidades ligadas diretamente a esta atividade.

A responsável considerou, por outro lado, que a sustentabilidade do turismo na região passa por um "trabalho de continuidade" visando fazer dos Açores um "destino europeu no meio do Atlântico".

A propósito dos indicadores de dezembro, divulgados pelo Banco de Portugal, que apontam que os Açores foram a região do país com maior crescimento da atividade turística nos primeiros dez meses de 2016 (30%), afirmou que o Governo Regional não vai "ficar deslumbrado com estatísticas", havendo "cada vez mais a necessidade de assegurar a manutenção de medidas" que visem o desenvolvimento do setor na região.

A responsável pela pasta do Turismo recordou que o executivo açoriano traçou quatro eixos estratégicos para o destino Açores, que passam pela qualificação do destino, a sustentabilidade, a eficácia da promoção e eficiência nas acessibilidades.

Marta Guerreiro acrescentou que o Plano Estratégico e de Marketing do Turismo dos Açores, dos quais emanam os quatro eixos, vai permitir "alavancar a notoriedade dos Açores" junto do consumidor e "posicionar a região como um destino exclusivo de natureza exuberante".

Ainda de acordo com a secretária, este plano vai também promover a "cooperação permanente" entre as entidades públicas e privadas na sua execução, "melhorar a competitividade" do destino e "aumentar os fluxos turísticos".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.