Rei de Marrocos aposta na luta conjunta contra o terrorismo com os norte-americanos


 

Lusa/AO online   Internacional   9 de Nov de 2016, 11:17

O rei Mohamed VI de Marrocos enviou a Donald Trump uma mensagem de felicitação pela sua vitória nas eleições norte-americanas, dizendo ainda que ambos continuarão a lutar juntos "contra todas as formas de extremismo, de violência e de terrorismo".

 

Mohamed VI expressou os seus melhores desejos ao Presidente eleito e sublinhou "a grande experiência profissional que (Trump) acumulou e que sem dúvida será uma contribuição indiscutível".

O monarca apostou num reforço entre os Estados Unidos e o Marrocos em todas as questões de interesse comum e, em particular, "as relativas aos desafios crescentes sobre a segurança e a paz mundial", e em primeiro lugar a luta contra todas as formas de extremismo, violência e de terrorismo".

Ainda que o rei não se tenha pronunciado durante a campanha eleitoral norte-americana, era sabido que Marrocos apostava em Hillary Clinton devido ao seu apoio à questão do Saara Ocidental, que é considerada no país africano "uma causa nacional".

Além disso, a estreita relação entre a candidata democrata e o rei Mohamed VI converteu-se num tema da campanha eleitoral, já que o monarca fez um generoso donativo à Fundação Clinton.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.