Futebol

Queiroz diz ser "vítima de tentativa de linchamento público"

Queiroz diz ser "vítima de tentativa de linchamento público"

 

Lusa / AO online   Futebol   29 de Jul de 2010, 18:28

Carlos Queiroz, coleccionador nacional de futebol, considera que a sua imagem está a ser "vítima de uma tentativa de linchamento público" e promete "recorrer à FIFA" para denunciar "ingerências do Estado" na federação portuguesa da modalidade.
Em entrevista à RTP, na véspera de uma reunião da direcção da FPF em que estará sobre a mesa o possível despedimento com justa causa do técnico de Portugal no Mundial2010, Queiroz diz que o processo relativo aos incidentes no estágio na Covilhã "foi feito às escondidas" e está "alicerçado em procedimentos que não são correctos".

O processo, do IDP, refere-se às alegadas ofensas dirigidas por Queiroz a uma brigada da comissão antidopagem que se apresentou no estágio da selecção e que já terá levado a FPF a ponderar o despedimento por justa causa.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.